Bahia Pesca

A Fundação Baía Viva celebrou um convênio com a Bahia Pesca S/A em   05/11/2013 que tem como objetivo a cooperação técnica para o desenvolvimento de projetos e atividades nas áreas de aquicultura proporcionando o desenvolvimento das comunidades pesqueiras do município de Salvador.

Em março de 2014 ocorreu a primeira soltura de aproximadamente 700.000 larvas de caranguejo (megalopas)da espécie de caranguejo Uça(Ucides Cordatus L.) nas áreas de vegetação de mangue na região da Ilha de Bom Jesus dos Passos.

A segunda soltura ocorreu em maio de 2015 sendo de aproximadamente 600.000 de caranguejo (megalopas)da espécie de caranguejo Uça(Ucides Cordatus L.) nas áreas de vegetação de mangue na localidade de Caieira –Ilha dos Frades.

Um curso de capacitação em Carcinicultura aconteceu em abril de 2014 que teve como conteúdo a preparação de viveiros,povoamento,arraçoamento,monitoramento e despesca.

Em julho de 2015 foi realizado o repovoamento da aguada do Loreto com 250 espécies de alevinos de diferentes espécies existentes na Baía de Todos os Santos com destaque para o parú(Pomacanthus sp.),mero(Epinephelus sp.),Carapeba(Diapterus Sp.)robalo flexa(Centropomus sp.),carapicu(eucinostomus sp.)tainha(Mugil lisa)e camarões.

Acões ambientais atráves de palestras educacionais em escolas da região,colonias e associações de moradores são frequentes   como também a participação de seminários nacionais e internacionais pela colonia de pescadores-Z3.

Este convênio teve o seu primeiro aditivo em novembro de 2015 assegurando sua renovação por mais 2 anos.

 

Bandeira Azul

A praia da Ponta de Nossa Senhora de Guadalupe, na Ilha dos Frades, foi aprovada por um júri internacional para receber a Bandeira Azul. O programa criado na França em 1980 e considerado o mais importante da categoria em todo o mundo, contempla praias e marinas que cumprem um conjunto de 34 requisitos de qualidade socioambiental, com este selo de qualidade.

A Bandeira Azul é outorgada pela organização não governamental Foundation for Environmental Education (FEE – Fundação para Educação Ambiental).

Para receber a Bandeira Azul, a Fundação Baía Viva em parceria com a Prefeitura Municipal de Salvador e apoio da comunidade local fizeram um trabalho de adequações em quatro áreas principais. Educação ambiental, Gestão Ambiental, Qualidade da Água, Segurança e Serviços. Foram realizadas melhorias na acessibilidade, requalificação dos banheiros e dos comércios de praia, implantação de sinalização ambiental, entre outras medidas, sempre envolvendo a comunidade. O local está inserido na APCP (Área de Proteção Cultural e Paisagística), da Igreja de Nossa Senhora de Guadalupe.

 

Polícia Militar – COPPA

Em 2014 foi celebrado o termo de Cooperação Técnica com a Polícia Militar do Estado da Bahia com o objetivo de implantar uma base da Companhia de Polícia Ambiental (COPPA).

O objetivo dessa cooperação é proporcionar à população uma prestação efetiva do serviço de segurança ambiental na Baía de Todos os Santos.

 

Prefeitura Municipal de Salvador

A Fundação Baía Viva celebrou vários convênios de cooperação técnica com o Munícipio de Salvador para atuação nas ilhas do Município desde 21/11/2012.

O objetivo destes convênios é estabelecer uma relação de Cooperação Técnica visando ações que auxiliem no processo de desenvolvimento e ordenamento bem como permitir a ampliação de serviços prestados pelo município nestas localidades.

Nó