Meio Ambiente

A perpetuidade de todo o projeto está atrelada ao comprometimento com a saúde ambiental. Entretanto algumas delas merecem destaque:

– Em pontos diversos da Ilha dos Frades foram instalados viveiros, com espécies da Mata Atlântica, visando o repovoamento de algumas áreas da ilha. Mudas de jequitibá, pau-brasil, cedro, angico, aroeira, ipê-roxo e outras frutíferas adaptadas ao solo como caju, manga, ingá, pitanga, cajá, goiaba, cajazeira e outras foram adquiridas no viveiro de Biofabrica em Ilhéus

– Desde 2001, já foram replantadas mais de 150 mil mudas de espécies da Mata Atlântica.

– Viveiros de Mudas de Coqueiros Nativos também foram construídos em diversos pontos da Ilha. Mais de 120 mil mudas de coco foram plantadas.

– A Fundação construiu no ano de 2005 o centro de transbordo e reciclagem de lixo da Ilha dos Frades. Todos os detritos recolhidos nas praias são selecionados e reciclados, utilizando-se compactador existente. O lixo orgânico é dali transportado por barco para a Ilha de Madre de Deus, onde é coletado pela Prefeitura de Salvador.

– A Fundação firmou convênio com a Bahia Pesca, objetivando a cooperação técnica para o desenvolvimento de atividades na área de aquicultura e pesca. Estes projetos são voltados para as comunidades pesqueiras da Ilha dos Frades e Bom Jesus dos Passos.

– Nas aguadas construídas na Ilha, lindeiras ao oceano, milhões de alevinos de diversas espécies marinhas foram liberadas para o mar depois de alguns meses crescendo nestes viveiros. De outro lado o programa de repovoamento de larvas de caranguejo já está em sua quarta edição, tendo sido soltas, cerca de 2,8 milhões de larvas.

– Convênio com a Preamar para implementação do programa Bandeira Azul, cujo objetivo é ampliar a conscientização acerca da proteção do ambiente marinho e costeiro e incentivar a realização de ações para a resolução dos problemas existentes. A Associação Bandeira Azul da Europa(ABAE) é uma Organização não Governamental de Ambiente (ONGA), sem fins lucrativos, dedicada à educação para o desenvolvimento sustentável e à gestão e reconhecimento de boas práticas ambientais.

– Convênio com a Polícia Militar Ambiental (COPPA), instalando na localidade do Loreto todo o suporte necessário para fiscalização e repressão de crimes ambientais em todo o Leste e Norte da Baía de Todos os Santos.

Nó