A Baía de Todos os Santos tem uma abertura de 35 km voltada para o Oceano Atlântico eno seu interior, um arquipélago com 56 ilhas dos mais variados tamanhos.

Características Geográficas

Debruçado sobre a balaustrada do Porto da Barra e enxergando no horizonte a silhueta da ilha de Itaparica, é muito comum ao turista desavisado levar para casa a impressão de ter percorrido com os olhos toda a extensão da Baía de Todos os Santos. Um equívoco que não cometeria se tivesse uma única e expressiva informação: com uma extensão de 1.052 quilômetros quadrados, penetrando 55 km continente a dentro, a baía possui um contorno litorâneo de aproximadamente 200 km, recortado por enseadas, angras, lagamares e uma pequena baía, a de Aratu. Por tal grandiosidade é reconhecida como a maior baía existente no país.

A Baía de Todos os Santos tem uma abertura de 35 km voltada para o Oceano Atlântico, entre o Farol da Barra e a Ponta do Garcez. Com uma profundidade que chega a alcançar os 70 metros e possuindo, no seu interior, um arquipélago com 56 ilhas dos mais variados tamanhos, onde se destaca a ilha de Itaparica, a maior ilha marítima do Brasil, trata-se de um dos mais importantes acidentes geográficos da costa do Brasil.

A rica fauna e flora da baía ambienta-se em um rico ecossistema formado pelas surpreendentes e belas paisagens que compõem o cenário de sua biodiversidade, o que salta aos olhos pelos seus coqueirais, bananais, mangueirais, mata atlântica remanescente, manguezais, apicuns e recifes de coral, em contraste com os costões rochosos e as praias de areia fina. Em sua borda leste acentua-se a íngreme escarpa, considerada exemplo de beleza do antigo bordo cristalino de fossa tectônica costeira. De formação retilínea, o alto da escarpa propicia excelentes vistas panorâmicas, que fazem a cidade do Salvador assemelhar-se a um grande belvedere.

Rica ainda em mananciais hídricos a baía abriga a foz dos rios Jaguaripe, Subaé e Paraguaçu, além de inúmeros riachos que deságuam em suas praias. Em suas águas claras e cristalinas, convidativas ao mergulho e à pratica dos esportes náuticos, encontra-se uma grande variedade de vida marinha.

Nó